Ribeirão Preto confirma sexta morte por Covid-19

Paciente era um homem de 73 anos atendido em hospital público; ao todo, município conta com 241 pessoas infectadas e seis mortes registradas

Alexandre de Azevedo

O prefeito de Ribeirão Preto, Duarte Nogueira, confirmou na tarde desta sexta-feira (24) a sexta morte por Covid-19 no município. O paciente, um homem de 73 anos com diabetes e doença pulmonar crônica, foi atendido em um hospital público, mas não resistiu e faleceu na quinta-feira (23).

Segundo o boletim epidemiológico, a cidade registrou um aumento de três casos confirmados nas últimas 24 horas, passando de 238 para 241 pessoas infectadas e seis óbitos. Em relação à Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG), foram registrados 365 casos.

“A curva de crescimento do número de confirmações em Ribeirão continua bem serena, estável e, portanto, linear. Nós não estamos tendo, até agora, crescimentos abruptos, seja geométrico ou exponencial. Isso é fruto de um bom trabalho de distanciamento, de conscientização das pessoas e, ao mesmo tempo, de um enorme trabalho de divulgação da imprensa e dos nossos profissionais de saúde, que estão na ponta cuidando da vida de milhares de pessoas”, afirmou o chefe do Executivo.

No final desta sexta-feira, o planeta havia registrado 2.783.512 pessoas contaminadas, com 195.313 mortes e uma taxa de letalidade de 7%, segundo a universidade Johns Hopkins. No Brasil, são 52.995 casos, 3.670 óbitos e índice de 6,9%. No Estado de São Paulo, 17.826 casos e 1.512 mortes, um índice de letalidade de 8,5%. “A nossa cidade com os 241 casos e seis mortes, chega a 2,5% índice de mortalidade. É um índice mais de três vezes menor que o estado e menos de 3% do número do país, felizmente”, ressaltou.

Laboratório Supera Parque
O prefeito também divulgou que o laboratório do Supera Parque Tecnológico receberá nesta sexta-feira a certificação do Instituto Adolfo Lutz como mais um laboratório credenciado para realizar os exames para Covid-19 em Ribeirão Preto. Além dele, a cidade conta com os laboratórios do Hospital das Clínicas e do próprio Adolfo Lutz.

“Hoje assinei uma resolução, transferindo meio milhão de reais da Secretaria Municipal da Saúde para o laboratório do Supera Parque com o objetivo de acelerar ainda mais o número de exames em Ribeirão Preto. Além disso, recebemos, de um doador que preferiu não se identificar, 1,5 mil testes que vão diretamente para a Secretaria da Saúde realizar nos nossos ribeirão-pretanos”, disse.

Doações
Nas últimas duas semanas, a Prefeitura de Ribeirão Preto recebeu diversas doações de empresas comprometidas com o combate à pandemia. A Alliage S.A. doou 480 máscaras faciais tipo face shiel; a Usina Santo Antônio disponibilizou cinco mil litros de álcool 96% para processar; a CentroOeste Soluções Industriais fornece dez mil luvas látex para os profissionais da área médica.

Já a Usina São Martinho doou 1,3 mil litros de álcool 70%; a Café Utam, pensando no conforto dos profissionais da saúde que estão na linha frente, doou cinco máquinas de café às unidades de atendimento com 11 mil cápsulas; a filial de Ribeirão Preto da Hidrodomi do Brasil doou 1.750 quilos de cloro em barras 45% para a higienização dos cemitérios municipais.

Assistência Social
Durante a divulgação do boletim epidemiológico, Nogueira também afirmou que o Centro POP, que abriga pessoas em situação de rua durante o dia, distribuiu cerca de 240 kits de higiene. A ação é realizada em apoio com o Coletivo Acalma – Redução de Danos e foi estendida para o Serviço de Acolhimento Institucional de Adultos e Famílias (SAIAF) e para a Casa de Passagem.

“No último sábado (18), a Secretaria da Assistência Social, com o apoio da Secretaria de Esportes, iniciou o atendimento às pessoas em situação de rua na Cava do Bosque. Só nesses primeiros dias, foram efetuados 472 atendimentos com café da manhã, almoço, jantar, banho e repouso. Desde o início da pandemia, o Serviço de Abordagem Social realizou 766 abordagens às pessoas em situação de rua”, disse.

Alimentos para os alunos da rede municipal
A Secretaria Municipal da Educação concluiu a entrega de 5.731 cestas básicas com alimentos da merenda escolar, complementadas às doações destinadas à campanha Ribeirão Solidária, do Fundo Social de Solidariedade.

Também foram fornecidos 637 kits de hortifruti compostos por alface, tomate e repolho em todas as creches da rede municipal de ensino. Esses kits foram fornecidos pela agricultura familiar de Ribeirão Preto.

“Para complementar essas ações, a Secretaria ampliou de mil para 1,900 kits de alimentos adquiridos pelo Programa Nacional de Alimentação Escolar às famílias dos alunos em maior situação de vulnerabilidade. Os kits contam com arroz, feijão, óleo, biscoito e leite em pó. Para as famílias dos alunos mais velhos, os kits contam com geleia no lugar do leite em pó”, afirmou o prefeito.

Campanha Ribeirão Solidária
Até às 16h desta sexta-feira, a Campanha Ribeirão Solidária, do Fundo Social de Solidariedade, havia arrecadado 11.066 cestas básicas, entregues 10.106 (contabilizando as da Secretaria da Educação), 100 voluntários cadastros no site, além de R$ 117.900,20.

“Neste final de semana, teremos uma campanha de arrecadação em formato de drive-trhu de alimentos e itens de higiene, em parceria com a EPTV. O ponto de encontro é na marginal da avenida Maurílio Biagi, altura do número 1.234”, convidou. A arrecadação ocorrerá nos dias 25 e 26, das 8h às 17h.

Desde a vigência do decreto de calamidade pública, publicado em 23 de março, mais de 3,6 mil orientações foram realizadas pela Fiscalização Geral e Guarda Civil Metropolitana. São abordados e orientados os estabelecimentos comerciais em desacordo com o decreto, que suspende as atividades não essenciais em Ribeirão Preto em virtude da pandemia do novo coronavírus.

Grupo de Transição e Retomada
Durante o anúncio, Nogueira reforçou a constituição do Grupo de Transição e Retomada Pós Covid-19 (GTR Pós Covid-19), formado por representantes do poder público municipal, do Comitê Técnico de Contingenciamento Covid-19, das universidades públicas ou particulares com unidades no município, da indústria, comércio, serviços, agronegócio, financeiro e serviço social.

“O nosso objetivo é estabelecer medidas para minorar os efeitos da pandemia na cidade para que, junto ao comitê técnico de contingência, possamos anunciar até a próxima semana quais adequações poderemos fazer, sempre com o objetivo de preservar vidas, seguindo os protocolos de distanciamento e uso de máscaras para evitar a transmissão”, ressaltou.

O anúncio será feito em coletiva de imprensa na próxima segunda-feira (27), no Palácio Rio Branco.