Prefeitura prorroga suspensão de atividades não essenciais

Novo prazo é 31 de maio, o mesmo definido pelo governo estadual com o objetivo de reduzir a propagação do coronavírus

Alexandre de Azevedo/PMRP

O prefeito Duarte Nogueira assinou decreto nesta sexta-feira, dia 8, que prorroga a suspensão das atividades não essenciais na cidade, incluindo as administrações Direta e Indireta da Prefeitura, com o objetivo de evitar a propagação do novo coronavírus na cidade.

O decreto 107, publicado no Diário Oficial do Município, estende até o dia 31 de maio o prazo que venceria no próximo dia 10 de maio e considera, inclusive, medida similar adotada pelo governo estadual.

O decreto desta sexta-feira estabelece novo prazo de 31 de maio que foram definidos pelos decretos nº 065, de 16 de março de 2020, alterado pelo Decreto nº 084, de 06 de abril de 2020 e prorrogado pelo Decreto nº 099, de 24 de abril de 2020.

O novo decreto também suspende até o dia 31 de maio o disposto nos artigos 1º, 2º, 3º e 4º do Decreto nº 101, de 27 de abril de 2020, que estabelecia o cronograma de adequação das atividades econômicas na cidade.

O artigo 4º do decreto publicado nesta sexta-feira, altera a redação do artigo 1º do Decreto nº 106, de 06 de maio de 2020, que tem agora a seguinte redação: “Fica prorrogada a medida de quarentena no Município de Ribeirão Preto, consistente em restrição de atividades de maneira a evitar a possível contaminação ou propagação do Novo Coronavírus, até 31 de maio de 2020.”