Pacientes com Covid-19 de Manaus serão transferidos para hospital em Ribeirão

A previsão é de que os pacientes cheguem por volta das 17h: um homem, de 79 anos, com ventilação mecânica, sem comorbidades e sem complicações, e uma mulher, de 50 anos, estável e com ventilação mecânica. Esses dois pacientes apresentam acometimento pulmonar grave.

O chefe do médico da UTI, Everton Padilha Gomes, examina uma radiografia de tórax de um paciente em um hospital de campo criado para tratar pacientes que sofrem da doença por coronavírus (COVID-19) em Guarulhos, São Paulo
5

Manaus vive um colapso no sistema de saúde com o avanço dos casos de covid-19. Com internações batendo recordes, as unidades de saúde ficaram sem oxigênio na capital. Assim, o sistema de saúde do Amazonas está sendo obrigado a enviar pacientes para outros estados, na tarde desta sexta-feira, 15, dois pacientes de Manaus que estão vindo de UTI aérea para o tratamento da Covid-19.

Está prevista a transferência de um terceiro paciente nesse sábado, UTI aérea deve pousar no Aeroporto Leite Lopes ainda na tarde desta sexta-feira (15). Pacientes infectados precisam de entubação, diz hospital.

Segundo a assessoria de imprensa do hospital particular, a transferência é feita por uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) aérea. Os pacientes são de convênios médicos.