Reforma da pista de atletismo da Cava do Bosque chega a 90% das obras concluídas

Investimento de cerca de R$ 1 milhão contempla a reforma da pista, instalação de academia ao ar livre PCD, aquisição de equipamentos de ginástica artística e aquisição de placas de tatame

Alexandre de Azevedo/PMRP
5

A reforma da Pista de Atletismo “Professor Geraldo de Pádua Melo”, do Complexo Esportivo “Elba de Pádua Lima – Tim”, mais conhecido como Cava do Bosque, está com 90% das obras concluídas, faltando os últimos acabamentos e a pintura das linhas de largada e chegada, além das faixas. Com a conclusão da obra, o local se tornará mais uma opção de lazer reformada e entregue à população.

Com valor de R$ 990.367,03 – sendo R$ 975 mil provenientes de emenda parlamentar de quando Duarte Nogueira era deputado federal e R$ 15.367,03 de contrapartida da prefeitura – está sendo possível realizar obras de reforma e modernização da pista de atletismo e instalações elétricas; instalação de academia ao ar livre PCD (Pessoa Com Deficiência) no parque Maurílio Biagi, aquisição de equipamentos de ginástica artística e aquisição de placas de tatame.

O prefeito de Ribeirão Preto, Duarte Nogueira, destacou a importância da destinação do recurso para a obra de modernização da pista de atletismo, construída há 34 anos. “A pista de atletismo terá a remoção total do piso antigo para receber uma nova base e a estrutura emborrachada, na forma que a modernidade permite, além de uma nova iluminação de LED para a pista”, explicou.

A reforma

A pista de atletismo passa por remoção total do revestimento emborrachado atual, com a destinação apropriada dos resíduos; correção pontual de irregularidades da sub-base e aplicação de “primer” específico de poliuretano; aplicação de granulado e resinas (de alta resistência a abrasão e proteção anti-U.V) que, com o piso pronto, deverá apresentar uma espessura oficial média de 13 milímetros.

Também será reformado e modernizado todo o circuito elétrico da iluminação da pista de atletismo, que irá obedecer a critérios técnicos e oferecer iluminação de LED.

Outros investimentos

Instalação de academia ao ar livre PCD (Pessoa Com Deficiência) no parque Maurílio Biagi; aquisição de novos equipamentos de Ginástica Artística; e tatames, com 676 placas de EVA antiderrapante.