Ação da GCM impede ligação clandestina de água

Uma retroescavadeira e um caminhão estavam sendo usado no momento da abordagem

Divulgação
5

A Guarda Civil Metropolitana (GCM) foi acionada na manhã deste sábado, dia 23 de janeiro, para averiguar um possível furto de água no Jardim Salgado Filho. Ao chegar no cruzamento das ruas Aguaí e Caconde, foi encontrado uma retroescavadeira e um caminhão que estavam executando um buraco no asfalto, de aproximadamente dois metros por um metro.

Ao fazer a abordagem do senhor M.A.S., foi informado a GCM que o serviço havia sido contratado pelo senhor J.A.P. para executar um serviço de um possível vazamento de água pelo asfalto.

Após constatar o furto de água, a GCM solicitou que o senhor M.A.S. fizesse contato com o senhor J.A.P. para comparecer ao local que, assim que compareceu ao local, informou que foi acionado pela comunidade local a executar a obra para o furto da água.

 

“Através de denúncia em nossa central, recebemos a informação que havia uma pessoa fazendo um buraco no asfalto. De imediato, acionamos as viaturas para averiguação do fato. No local encontramos duas pessoas que estavam fazendo a ligação clandestina”, explica Tiago Caldera, Diretor Operacional da GCM.

As duas partes foram encaminhadas até a Central de Polícia Judiciária, onde a autoridade de plantão, ciente dos fatos, ratificou a voz de prisão em flagrante.