Fundação do Livro e Leitura apresenta agenda da 40tena Cultural deste mês de março

8

A Fundação do Livro e Leitura de Ribeirão Preto divulga a agenda da “40tena Cultural” para o mês de março. A programação começa neste sábado (06/03), com a contação da história “Ponciá Vicêncio”, de Conceição Evaristo (autora homenageada da 20ª FIL), com a atriz e contadora de histórias Aline Arango. A atividade será transmitida pelo Instagram da Fundação (@fundacaolivrorp), às 16h.

Durante a atividade, Aline Arango contará sobre os caminhos e andanças de Ponciá Vicêncio, personagem principal da história. “No livro, a autora Conceição Evaristo descreve os caminhos, as andanças, as marcas, os sonhos e os desencantos da personagem Ponciá, estruturando uma relação entre o passado e presente”, comenta a atriz, que pretende mostrar essa característica do livro na contação, tornando a atividade mais lúdica e imaginária.

Sobre a história, Aline Arango revela que o enredo é profundo, pois incentiva as mulheres a correrem atrás dos sonhos, assim como Ponciá fez no livro. “Quando a personagem quis mudar de vida, não pensou duas vezes. Foi para a cidade tentar uma vida nova e melhor. Contar essa história vai cativar o público, como me cativou na leitura”, acredita.

 

Núcleo de Contadores de Histórias

Seguindo a proposta de uma coordenação diferente para cada encontro do Núcleo de Contadores de Histórias, neste mês de março, a atividade contará com participação do contador, ator e professor, Diego Ulacco. Com o tema “Contos Sagrados”, o Núcleo terá, ainda, a participação da também contadora de histórias, Camila Genaro. O encontro acontecerá no dia 13 de março, às 10h, através da plataforma de reuniões ZOOM com transmissão ao vivo também pela plataforma digital da instituição e canal do Youtube.

Natural de Santo André (SP), Diego Ulacco mora atualmente na cidade litorânea do Guarujá e, foi através da amizade da esposa com a atriz Míriam Fontana que passou a frequentar o encontro on-line do Núcleo de Contadores de Histórias da Fundação. “Comecei a participar no ano passado, no formato on-line. Sou fruto da pandemia no encontro”, brinca. Ele ainda destaca a importância do Núcleo em aproximar pessoas de locais e culturas diferentes, através da ferramenta digital. “Gostaria muito de, um dia, sentar presencialmente com o grupo e escutar suas histórias. Mas, por enquanto, estou achando ótimo estes encontros à distância, pois tive a oportunidade de conhecer várias pessoas e isso enriquece muito”, destaca.

Clube do Livro

No sábado (20/03), às 16h, o Clube do Livro da Fundação entra em cena. O debate, coordenado pela bibliotecária Gabriela Pedrão, terá a obra de Olga Tokarczuk, “Sobre os ossos dos mortos”, como assunto principal do encontro. A atividade será transmitida pela plataforma de reuniões ZOOM e replicada na plataforma e Youtube da Fundação.

A obra “Sobre os ossos dos mortos” conta a história de uma professora de inglês aposentada, de uma remota região da Polônia, que costuma se dedicar ao estudo da astrologia, à poesia de William Blake, a manutenção de casas para alugar e a sabotar armadilhas para caças de animais silvestres, como forma de impedir a caça. A singularidade da personagem principal é amplificada por sua preferência pela companhia dos animais aos humanos e pela crença na sabedoria através do estudo dos astros. O livro é classificado como “subversivo e macabro”, além de discutir temas como o mundo natural e civilização. Partindo de uma história de crime e investigação convencional para uma espécie de suspense existencial. A autora, Olga Tokarczuk, é vencedora do Prêmio Nobel de Literatura, de 2019. A atividade será transmitida pela plataforma de reuniões ZOOM e replicada na plataforma e Youtube da Fundação.

A participação em todas as atividades é gratuita e aberta à população.

SERVIÇO:

Contação de História – “Ponciá Vicêncio”, de Conceição Evaristo
Com Aline Arango, contadora de histórias e atriz
Data: 06 de março (sábado)
Horário: 16h
Plataformas de exibição: Instagram (@fundacaolivrorp), YouTube (FeiraDoLivroRibeirao) e site da Fundação do Livro e Leitura de Ribeirão Preto (www.fundacaodolivroeleiturarp.com)

Núcleo de Contadores de Histórias, tema: “Contos Sagrados”
Com Diego Ulacco (professor, contador de história e ator) e a convidada Camila Genaro (contadora de história e atriz);
Data: 13 de março (sábado)
Horário: 10h
Plataformas de exibição: ZOOM: https://us02web.zoom.us/j/81417708088 (link disponível também na BIO do Instagram da Fundação do Livro e Leitura de Ribeirão Preto). Com transmissão ao vivo também pela plataforma digital da instituição (www.fundacaodolivroeleiturarp.com) e Youtube (FeiraDoLivroRibeirao)

Clube do Livro – “Sobre os ossos dos mortos”, de Olga Tokarczuk
Com Gabriela Pedrão, bibliotecária;
Data: 20 de março (sábado)
Horário: 16h
Plataforma de exibição: Plataforma de reuniões ZOOM: https://us02web.zoom.us/j/87516946465 (link disponível também na BIO do Instagram da Fundação do Livro e Leitura de Ribeirão Preto). Com transmissão ao vivo também pela plataforma digital da instituição (www.fundacaodolivroeleiturarp.com) e Youtube (FeiraDoLivroRibeirao)

O projeto 40tena Cultural

O projeto 40tena Cultural, que começou em março de 2020 com uma programação consecutiva, já realizou mais de 100 atividades e interagiu com mais de 35 mil pessoas. O 40tena Cultural, realizado pela Fundação do Livro e Leitura de Ribeirão Preto, tem como proposta incentivar as pessoas a ficarem em casa durante o período de isolamento social, em virtude da pandemia do coronavírus (Covid-19). Semanalmente, são divulgadas atividades que abrangem desde as transmissões ao vivo com artistas e convidados até contação de histórias para crianças, shows, dicas e discussões de livros. Para acompanhar a programação semanal, basta acessar as redes sociais da Fundação do Livro e Leitura:

Instagram (@fundacaolivrorp)
Facebook (facebook.com/FundacaodoLivroeLeituraRP)
Linkedin (fundacaolivrorp)
Twitter (@FundacaoLivroRP)
Youtube (FeiraDoLivroRibeirao)
Plataforma www.fundacaodolivroeleiturarp.com

Sobre a Fundação

A Fundação do Livro e Leitura de Ribeirão Preto é uma entidade de direito privado, sem fins lucrativos. Trata-se de uma evolução da antiga Fundação Feira do Livro, criada em 2004, especialmente para realizar a Feira Nacional do Livro da cidade. Hoje, é considerada a segunda maior feira a céu aberto do país. Em 2020, a Feira tornou-se internacional e entraria na 20ª edição. Por isso, recebeu recentemente nova identidade, apresentando-se como FIL (Feira Internacional do Livro de Ribeirão Preto), mas sua realização foi remarcada para agosto de 2021, devido à pandemia do novo Coronavírus.

Com uma trajetória sólida e projeção nacional e agora internacional, ao longo de seus 20 anos, a entidade ganhou experiência e, atualmente, além da Feira, realiza muitos outros projetos ligados ao universo do livro e da leitura, com calendário de atividades durante todo o ano. A Fundação se mantém com o apoio de mantenedores e patrocinadores, com recursos diretos e advindos das leis de incentivo, em especial do Pronac e do ProAc.